De um tempo para cá tenho batido na mesma tecla que se chama “deveria ler mais, mas não consigo” e procrastinando horrores na hora de pegar um livro. Errado, mas estou tentando mudar, tanto que estou tentando dar várias chances para os livros que eu tenho em casa. É uma leitura bem variada em que eu me encontro, leio o livro que me dá mais vontade no momento.

Livros físicos

Das Rosie-Projekt (Graeme Simsion)

Um romance que virou best-seller e está nas livrarias alemãs como um dos mais vendidos. As críticas são boas, porém estou tendo dificuldades de lê-lo pelo fato de ele estar escrito em alemão. Foi lançado originalmente na Austrália com o título “The Rosie Project” e tem continuação em um outro livro. Fala de Don, um professor de genética que está procurando a mulher perfeita para casar, porém encontra Rosie (nada do que procurava) e entende que o amor não é lógico e nem segue suas teorias. A versão em português está bem em conta na Livraria Cultura.

O Hobbit (J.R.R. Tolkien)

Livro mundialmente conhecido e que virou mais que sucesso com o lançamento dos filmes. É a terceira vez que eu leio este livro e a cada vez que eu leio percebo mais detalhes sobre a minha amada e adorada Terra-Média. Para os que ainda não sabem, o livro conta de um grupo de anões que pretende ter sua montanha (e tesouro) de volta e com isso usa a ajuda de Bilbo Bolseiro, um hobbit do Condado. Quando eu li pela primeira vez me deu vontade de ir atrás das demais obras do autor, antes eu só tinha lido a trilogia Senhor dos Anéis.

Livros digitais

O Teorema de Katherine (John Green)

Entre diversos públicos, John Green está conseguindo se manter presente como o queridinho de todos. Depois de anos onde Nicholas Sparks dominava esse cenário, eis este autor que está conseguindo seu espaço. O livro conta de Colin e sua teoria sobre as Katherines, já que ele teve 19 ex namoradas com este nome e nunca o relacionamento deu certo. Depois de mais uma desilusão ele resolve sair em busca de uma aventura com seu amigo e tem descobertas que farão dele um “gênio”.

Os 13 porquês (Jay Acher)

Nunca tinha ouvido falar desse autor, mas o livro está me surpreendendo. Conta de Clay, um garoto que recebe fitas cassetes em um pacote misterioso. Quando ele escuta o que elas dizem, vê que se trata de uma ex paquera que se suicidou fazem 2 semanas, lhe mandando um recado. A garota está morta, ele nao poderá mudar nada, porém, nas fitas ela conta o que fez ela tomar essa decisão. Uma delas é o próprio Clay… Mostra o quanto que as vezes (sem querer) influenciamos a vida de uma pessoa.

E é isto! Quando eu terminar de ler um deles, indico se realmente gostar…

~ As imagens que eu usei nessa postagem encontrei no Google. Caso queira créditos, me avise ~

Anúncios