E no meio do pequeno caos

A natureza sorri.

De cima da ponte uma menina vê

A felicidade em meio a tantos sufocos.

Não, não eram humanos.

Nem se pareciam com um.

Eram apenas cachorros,

Unidos à luz da igreja

Indo em direção a algum lugar.

Juntos,

Eram três.

Brincavam, corriam e iam

Para qualquer lugar que fosse.

Afinal,

Nada ali os abalava:

Cães não enfrentam o engarrafamento!

E para quem leu até aqui, logo sai um post sobre a minha ausência e a enchente que enfrentei. Além do mais, feliz aniversário atrasado pra mim! Beijo grande, já estava com saudades de todos!

Anúncios