Busca

Divergências Vitais

Memórias, dicas e "causos" de uma brasileira vivendo na Alemanha.

Categoria

TAGs

Qualquer L’atitude e a TAG perdida

Com o blog, para mim tudo depende da questão de tempo. Quando eu estou cheia de coisa para fazer, acabo me enrolando com tudo e perdendo o foco na resposta de TAGs. Quem nunca respondeu uma tarde demais? Geral. Continuar lendo “Qualquer L’atitude e a TAG perdida”

Anúncios

TAG: 5 coisas que faria se o dinheiro não fosse problema

Sabe quando você vê uma tag perdida na internê e logo sente vontade de participar? Exatamente isso aconteceu enquanto eu bisbilhotava o Blog Loucuras de Júlia e um tempo mais tarde o Carioca do Interior, ambas me fizeram ter vontade de expor o que eu mesma faria caso fosse “ryca” e “fyna”. Continuar lendo “TAG: 5 coisas que faria se o dinheiro não fosse problema”

Tag Literária: Escritores

A Mayara do Blog Devaneadora de Ideias me indicou para uma TAG que eu achei interessante. A TAG consiste em 5 perguntas simples (a respeito de escritores), sendo assim rapidinha para mostrar um poucos dos gostos literários e em indicar alguns blogs para continuarem. Continuar lendo “Tag Literária: Escritores”

TAG: Liebster Award #3

Pela terceira vez aqui no Diver: aqui vou eu, Bruna, na resposta desta TAG. Particularmente eu acho ela muito interessante, pois ela se renova a cada integrante que vem participar.

Saber que eu sou querida entre meus leitores também é algo que alegra muito o dia-a-dia, pois a tradução do nome é realmente essa… a premiação dos blogs “queridos”.  Obrigada Isabella pela indicação!

As regras são as seguintes:

  • Escreva 11 fatos sobre você.
  • Responda as perguntas de quem te indicou.
  • Indique de 11 a 20 blogs.
  • Faça 11 perguntas para quem indicar.
  • Coloque a imagem que mostre o selo Liebster Awards.
  • Link de quem te indicou.

11 fatos sobre a minha pessoa:

  • Eu era apaixonada por unhas compridas, mas hoje tenho horror se elas chegam a esse ponto;
  • Me apaixonei por cabelos “curtos”;
  • Meu animal favorito é coruja;
  • Meço 1,66 de altura;
  • Adoro tomar chá preto com leite e açúcar;
  • Sou boa em assar bolos e tortas alemãs;
  • Adoro fotografar;
  • Posso largar o Facebook, mas o Twitter não largo;
  • Fogo me fascina;
  • Amante de cafeína;
  • 2016 é o meu ano de conhecer Londres;

Perguntas da Isabella:

1. Noite ou dia?

Apesar de amar o dia, gostar de viajar, sair com um sol fora de casa, também adoro a noite. Me fascino com a lua e as estrelas, a disposição para saídas, o aconchego do sofá em uma noite fria… uma caminhada na beira da praia ao anoitecer.

 2. O que mais gosta de comer?

Coisas salgadas ou azedas. Não sou a criatura que ama doces… deixem chocolates longe de mim!

3. Tipo de música tu curte?

Sou eclética, tudo depende do meu humor. Sei que não gosto de sertanejo monossilábico, funk e músicas que tentam impor algo (não importa qual ritmo).

4. Qual livro preferido ou filme preferido?

Sou suspeita para falar de livros pois adoro ler. Até hoje nenhum me surpreendeu tanto quanto a trilogia Senhor dos Anéis e as obras de Tolkien em si. Apesar de gostar de clichês, também amo filmes com um final inesperado, aquelas histórias que não terminam em final feliz para todos.

5. Quem tu mais admira na vida?

Meus avós e minha mãe. Foram muito guerreiros e merecem todo o meu agradecimento.

6. Se pudesse mudar algo em ti (por dentro ou por fora) o que seria?

Eu não mudaria nada. Eu sou assim e aprendi a me aceitar com todas as qualidades e defeitos.

7. Se ganhasse muito dinheiro o que compraria primeiro?

Uma casa ou apartamento para mim aqui na Alemanha e uma passagem de  volta para o Brasil para mimar minha família.

8. Qual seu maior sonho?

Ser feliz com minhas escolhas.

9. Qual seu maior medo?

Não conseguir cumprir o que eu espero da resposta n° 8.

10. Sonha em conhecer algum lugar?

No momento, Londres. Vou conhecer em maio.

11. Pra você o que é mais importante na vida?

Ver resposta n° 8 novamente…

Era isto.

Agora minhas perguntas:

1- O que te traz inspiração para fazer seus posts?
2- Qual é a coisa que você mais detesta ver em blogs?
3- Você mudaria o assunto do seu blog se seus seguidores dissessem que não gostam de tudo do jeito que está?
4- O que te faz manter o blog?
5- Qual valor você considera mais importante nos dias de hoje?
6- Você tem um assunto pelo qual morre de amores porém nunca comentou no seu blog?
7- Tens fluência em algum outro idioma? Se sim, quais?
8- Qual o país que você tem mais vontade de conhecer?
9- Qual foi o livro e o filme que mais te fizeram refletir sobre quem você é?
10- “O amor significa pensar mais na felicidade da outra pessoa do que na própria”. Concordas com isto?
11- Como você se imagina daqui a 5 anos?

Para quem estiver curioso sobre minhas respostas anteriores, elas estão aqui e aqui. Se alguém ficar com vontade de responder minhas perguntas saiba que eu ficarei super feliz!

Beijos e até a próxima.

Fim do #BEDA e BLOG DAY!

É interessante o jeito em como um blog supre as necessidades de colocar nossas emoções e preferências para fora, não é? Na época em que eu decidi começar a escrever, foi uma fase muito bacana da minha vida. Eu tinha muita coisa para conversar, comentar, discutir e ninguém para poder compartilhar tudo o que eu via. Em um curso que eu fiz, o professor (e grande amigo meu) me disse que um blog poderia ser uma boa ideia para minhas “crises” criativas. Quando eu vi que o Blogger era complicado demais de lidar, vi no WordPress uma nova oportunidade. Lembro dos primeiros comentários e como eu ficava maravilhada quando aparecia uma notificação.

Em casa eu não recebia apoio nenhum, mas agora alguns familiares leem e até gostam do conteúdo. Amigas da época do Brasil até hoje não entendem o que me motiva a “perder tempo” blogando, mas adoro escrever e para mim tudo por aqui vale a pena.

Aqui na Alemanha nem adianta eu querer que alguém leia o que eu escrevo em português, mas é uma experiência bem engrandecedora quando me explicam a história e os “porquês” de tudo para assim ficar mais fácil de eu explicar aqui no Diver na minha língua materna. Todos adoram quando alguém se interessa pela realidade do povo que vive aqui.

Então, para o Blog Day, nada melhor do que indicar várias pessoas que eu gosto e que tem um espacinho especial no meu coração. Sao blogs super lindos, porém as pessoas que escrevem sao mais admiráveis ainda! Claro que eu vou esquecer de muita gente neste post, de antemão já peço desculpas.

Que tal Blog Day com tag?

Adoro TAGs e essa indicação teve um gostinho ainda melhor: a Mari do blog Mulher Pequena que me indicou e foi ela mesma que criou tudo. Como é Blog Day e aqui também o dever é indicar blogs, juntei as duas ideias. Vamos lá:

Regras:

1. Responder todas as perguntas.

2. Criar alguma ilustração para a TAG (que tenha a ver com seu blog!).

3. Indicar pelo menos 3 blogueiros para responder!

4. Recomendo que respondam as perguntas com blogs pequenos (se possível).

As perguntas:

qual-e-o-blog-divergenciasvitais.jpg

Que mais acesso… Já que agora estou de volta na Alemanha, nos últimos tempos acabei acompanhando muitos blogs que falam da Europa, turismo, viagens, dicas e curiosidades sobre vários lugares. A Ana Luiza que está grávida na Suíça do Pelo Mundo Blog, a Isadora do Vai sem medo, a Yasmin que sabe bem como é o dilema de ser intercambista do Na Terra dos Coalas

Que indico a todo mundo… Desde que conheci, o blog (e a pessoa que o escreve) virou meu queridinho: We ❤ UK da Luciana Martins. Tem também o Panela Européia da Pam que eu adoro demais! Hello! Já falei do Hello?

Que inspira minhas postagens… Fico toda boba quando leio os escritos do Gustavo do blog Um Drink de Verso, super apoio o lançamento de um livro!

Com um conteúdo invejável… Sei que ela já foi indicada, mas a Bia do Since 85 tem um conteúdo demais, eu adoro!

Com as melhores fotos… com toda certeza  a Ana do This German Life!

Que amo quem escreve… A Lis minha colaboradora daqui do Diver, ela é um amor de pessoa ❤

Que podia ser minha melhor amigo(a)…  A Mari que me indicou, se colocassem nós duas juntas teríamos assunto para conversar por dias…

Que eu queria “ter a vida” por um dia… a Renata e a Carol do Classic and Alternative. Elas viajam, compram, viajam mais um pouco, compram mais um pouco, mudam a cor do cabelo… como eu queria!

Que eu queria roubar o guarda-roupas… Sabe a Carol e a Renata que eu citei acima? Então…

Que mais parece comigo… Quem? Quem? Quem? Claro que a Vera do Extraordinariando!! Hahahaha Adoro as postagens dela, aliás, temos o gosto praticamente igual para música e filmes! E OneRepublic ❤

Espero que a lista de blogueirxs tenha bastado! O BEDA foi lindo, maravilhoso, as postagens criativas, uma honra para mim poder ter participado disso tudo! Mas chegou ao fim e agora tudo ficará normal por aqui, sem pressa como sempre foi! Agradeço as visitas que apareceram por aqui e deixaram comentários… a Letícia que sempre aparece cheia de animação e vida, o Mariel que sempre deixa rastros de uma inteligência nata, a Mia sempre doce e querida, a Lígia e a Milca ex colegas de projeto fotográfico, as meninas do 5 on 5

Era isso pessoal! Mais um ótimo ano aqui na blogosfera para todos nós (e também para os que vierem com o tempo)!

Lembrando: Se o link do seu blog apareceu nas respostas da tag, considere-se oficialmente indicadx. Espero as respostas!

Abraço!

 badge_post_01

Tag – Inveja #BEDA

Olá, hoje responderei a tag “Inveja”, que a Letícia do blog Os Benefícios de Beber Café me indicou

Regras: Listar 9 coisas das quais você tenha inveja

Ok, não sou uma pessoa que tenha inveja, mas, então, digamos “inveja boa”, que são coisas que os outros tem que eu queria ter, mas sem desejar o mal da pessoa. Fico muito feliz que os meus amigos/amigas tenham essas coisas, aliás. Vamos lá:

1 – Tenho inveja de: Quem tem estágio/emprego na área que estuda.
2 – Tenho inveja de: Quem já tem sua própria casa.
3 – Tenho inveja de: Quem consegue realizar sonhos de quando era criança.
4 – Tenho inveja de: Quem ganha bem.
5 – Tenho inveja de: Quem tem uma vida badalada.
6 – Tenho inveja de: Quem tem corpos esculturais, como o da minha amiga Nathyelle, que mostrei a vocês.
7 – Tenho inveja de: Quem sabe empreender.
8 – Tenho inveja de: Crianças. Elas tem muita criatividade, pois não tem julgamento ainda com nada. O adulto perde essa ingenuidade e deixa de arriscar muitas coisas por isso.
9 – Tenho inveja de: Quem tem paciência para pintar as unhas.

Faço o que posso para alcançar cada uma dessas coisas listadas acima. Vai chegar o momento que eu também vou conseguir!

badge_post_01

Tag – De Tudo Um Pouco #BEDA

O tio Diver faz sucesso nas indicações de Tags, e, para não perder o costume, vamos a mais uma. A de hoje se chama “De Tudo Um Pouco”, criada pela Eduarda, do Atrás da Penteadeira, e fomos indicadas pela querida Pamela, do Pamela Voos. As regras são:

– Responder todas as perguntas da tag; – Indicar, no mínimo 11 blogs, com menos de 500 seguidores para responder a tag; – Colocar o selo da tag (pode ser tanto criado como o mesmo para todos); – Creditar o blog que deu origem a tag; – Linkar quem te indicou a tag;

orville

1. Qual o seu estilo musical preferido?

No momento, estou escutando bastante música eletrônica e derivadas, essas de baladinha. Amo Calvin Harris. Essas me deixam pra cima e pensando num futuro bom e divertido na minha vida.

2. Qual peça de roupa é a sua queridinha do momento?

Uma calça nova que comprei na Renner, preta de cintura alta, que vai bem com tudo. Além dessa peça, comprei uma saia linda e fofa, preta com coraçõezinhos coloridos, também na  Renner, mas não deu pra usar, muito frio ainda por aqui.

3. Qual dos seus esmaltes são mais divos, marca e cor?

Não gosto de pintar as unhas, mas o que eu uso, quando uso, por secar rápido, só precisar passar duas vezes e durar dias é um da Top Beauty, o FullMoon cintilante. É um verde escuro metalizado, lindo.

4. Shorts ou saia, e por quê?

Short, por não incomodar as pernas e não ter que se preocupar se a calcinha está escondida, como na saia. Se bem que eu tenho mais saias do que shorts, o tecido é mais confortável, são mais baratas, e os shorts estão muito caros e muito curtos, ultimamente. É o preço de uma calça, com muito menos pano.

5. Cabelo liso ou cacheado?

Liso. Tenho, originalmente, o cabelo ondulado e com bastante volume. Esse volume não deixa ele ficar comportado, por isso, optei pela progressiva de salão ano passado, duas vezes, e, com falta de dinheiro esse ano, optei pela progressiva caseira. Depois de duas vezes feita a progressiva de salão, o cabelo nunca mais volta a ser com o mesmo volume de antes da química, pode ficar bagunçado, despenteado, um pouco ondulado, mas crespo de novo só se o cabelo que não pegou química crescer. A receita da progressiva natural está no blog Since85, da Bia. Não danifica os cabelos, é só bônus. É Bia, parece que vou sempre te indicar por aqui, esse post entrou na minha vida pra ficar ❤

6. Salto ou sapatilha?

Salto. Não é qualquer um, mas há saltos que não machucam os pés. Já as sapatilhas… Vocês já sabem que tenho três pares e vou ter que comprar um protetor de calcanhar para cada par.

7. Brigadeiro ou sorvete?

Os dois. Brigadeiro de panela em casa com as amigas. Sorvete de morango na rua com o mor. Pode também ser o Bis ou o Lajotinha do McDonald’s.

8. Doce ou salgado?

Salgado. Mas aquela torta de morango…

9. Como você define seu estilo?

Confortável e bonitinho. Fofo, talvez. Mas nunca roupas que eu tenha que estar sempre puxando a alcinha da blusa, ou a calça que leva cinto e que continua caindo. Por isso só compro as de cintura alta. E por isso prefiro shorts a saias.

10. Você é um tipo de mulher consumista ou só compra o básico?

Se eu trabalhasse e ganhasse meu dinheiro, seria consumista. Mas só compro algo quando preciso, pra não extorquir meus pais. Por exemplo, se minha calça já está surrada e fazendo aniversário: – Mãe, me empresta o cartão da Renner, quanto posso gastar e em quantas vezes???

11. Você se considera vaidosa?

Sim. Nas férias fico meio preguiçosa, mas sou sim. Sempre escolho roupas bonitas pra comprar, eu quase sempre compro na Renner, e lá tem o andar das promoções, onde tem blusas de qualidade e bonitas por R$ 9,90, R$ 19,90. Por isso, sempre dá pra comprar bastante.

-x-

Não indiquei 11 blogs, mas aí vão os que indiquei:

Letícia – Os Benefícios de Beber Café

Bia – Since85

Mari – Mulher Pequena

Um beijo da Lis e até a próxima!

badge_post_01

TAG Amo/Odeio

Olá, leitores!

Hoje irei responder uma tag bem fácil, prática e divertida. A “amo/odeio” consiste em 10 respostas para cada amor e para cada ódio, indicar 10 blogs, colocar o selo da tag (que está como imagem destacada) e linkar quem te indicou. Quem indicou o Diver foram as queridas do blog Banalidades Cotidianas, a Carolina e a Isabella. Vamos lá:

Amo

1 – Fotografar. É uma arte linda, uma forma de mostrar ao mundo seu ponto de vista dele.

2 – Chorar. Limpa a alma e a raiva se dissipa. Dizem que as lágrimas são o ódio, saindo de uma pessoa que é tão boa que não pode aguentar tanto sentimento ruim dentro dela.

3 – Rir. É ótimo compartilhar tanta alegria e diversão com alguém que gostamos ou mesmo rir sozinho com certos canais do YouTube, como o Invento Na Hora, do Lucas Lira.

4 – Viajar. Se você acompanha o blog, já deve saber disso. Liberta a alma.

5 – Artes. Faço superior em publicidade e propaganda, e já estou no 4º semestre. Ainda quero fazer um técnico em Moda, pra ser consultora, como no Esquadrão da Moda, do SBT.

6 – Escrever. Apesar de eu não postar muito, as minhas melhores postagens, no meu ponto de vista, são aqueles poemas, como o Anjoque escrevi quando estava realmente inspirada, coloquei todos os meus sentimentos pra fora, foi verdadeiro. Aliviou minhas dores, meu coração.

7 – Amigos. É tão bom salvar aquele seu amigo verdadeiro quando vê que ele está no fundo do poço, chorar junto com ele e conseguir tirá-lo de lá… Isso é fazer um bem a si mesmo. Melhor ainda quando algum amigo faz isso com você, sente que não está sozinho. Gabriela Godoy, Naiana Mendes, Bruna Both, Isin Mello. Minhas divas.

8 – Família. Brigas todos temos. Não seríamos humanos se não brigássemos. Normal. Família não é sangue, é amor; não é convivência, é união; não é sempre paz, é cumplicidade; não é casa, é porto seguro.

9 – Salgados. Mais do que doces. Prefiro um risóles a uma nega maluca. Mas não resisto a uma torta de morango.

Odeio

1 – Lavar panela de molho. Gente, comer molho é bom, mas fica um cheiro na panela vazia…

2 – Sapatilhas que machucam. Acho que todas são assim, tenho três pares e não uso, terei que comprar o protetor pra colocar nelas. É um adesivo de silicone que protege a parte de trás do pé, logo acima do calcanhar.

3 – Quando sobe a ponte. O único acesso ao meu bairro é por uma ponte móvel, e, às vezes, um navio quer passar por baixo, e tem que ficar no veículo esperando o navio passar e esperar a ponte baixar. Teve uma vez em que passaram 5 navios. Mofei.

4 – Baterias. Antigamente os celulares ficavam carregados por 5 dias. Hoje em dia, com tantas funções, as pessoas tem que andar com uma bateria de carro nas costas pra poderem ficar com seus smartphones ligados. Moura é Moura.

5 – Baratas. Elas andavam ao lado da minha cama à noite, quando criança. Em quase todo lugar que eu me hospedo quando viajo, há baratas. Traumatizei.

6 – Não ter mais filmes de fim de mundo. Já assisti a todos, até aqueles mais baratos, ruins. Não tem mais.

7 – Se esforçar no trabalho e o professor dá uma nota mísera. Acontece nas melhores instituições de ensino, com os alunos que não gostam de ser puxa sacos.

8 – Menstruação desregulada. Mesmo tomando os remédios certinho. Desculpa aos que ficaram pasmos, mas irrita quando acontece, né mulheres?

9 – Bad Hair Days. Os dias que os cabelos ficam rebeldes. Mas graças a Bia Aguiar do Since85 eles acabaram. Leiam o post dela sobre Progressiva Natural. Funciona.

10 – Ser ignorada. Normalmente acontece em um grupo grande de pessoas, fico invisível, prefiro ter só uma amiga do lado que converse comigo. Sou mais reservada, de poucos amigos.

Claro que tenho muito mais amores (cachorros, músicas) e ódios (a loja está fechada, não tem mais Milk Shake), mas aqui está por ordem de importância mesmo, as minhas 10 prioridades no amor e ódio. Não indiquei nenhum blog. Se quiser ser indicado, comente aqui embaixo que eu edito e insiro no post. A tag era pra ser mais rápida, eu poderia ter só colocado as palavras em negrito, mas, sem meus comentários, não teria a mesma essência.

Um abraço da Lisandra a todos que nos acompanham e às meninas do Banalidades Cotidianas. Até a próxima!

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑